Como utilizar o Google Analytics para SEO Pt. 3

1.     Metas

A maioria dos websites na internet têm certos objetivos e quando é alcançancado um, falamos em metas. Acontece muito que um web site pode ter muitas metas. No Google Analytics podemos configurar quatro conjuntos de metas (sendo que cada conjunto tem 5 metas – dando ao total 20 metas) por perfil. Para configurar metas no Google Analytics, a primeira questão importante é definir o que você deseja como objetivo.

Poderia ser a página “obrigado.html” que o usuário é redirecionado após entrar em contato através de um formulário de contato ou num site de e-commerce, a página checkout, onde ele será levado à página de inserir o método e informações de pagamento ou poderia ser um clique que é feito em algum anúncio ou banner no website.

A página de metas no Google Analytics

A página de metas no Google Analytics

1.1           Configuração de metas

Depois de decidir quais serão suas metas, comece a configurá-las seguindo estas instruções:

    1. Selecione a conta que contém o perfil no qual você criará as metas na página Visão geral, clicando no  link “Configurações do Google Analytics” no canto superior à esquerda .
    2. Localize o perfil no qual você criará as metas e clique em "Editar" na coluna "Ações".
    3. Na seção "Metas", selecione um dos quatro conjuntos no qual você criará a meta (cada conjunto contém até cinco metas) e clique em "Adicionar meta". Você poderá criar até 20 metas se usar os quatro conjuntos.
    4. Insira um nome para a meta que você possa reconhecer rapidamente ao visualizar os relatórios.
    5. Defina a meta como "Ativada" ou "Desativada". Escolha "Ativada" se quiser que o Google Analytics acompanhe essa meta de conversão. Se definir como "Desativada", a meta ficará inativa, mas não será excluída.
    6. Selecione a posição da meta. O menu suspenso permite selecionar a posição de uma meta em um conjunto, de modo que você pode controlar a ordem em que ela aparece na guia "Metas" em seus relatórios, ou permite mover uma meta de um conjunto para outro.
    7. Escolha qual dos três tipos de metas você deseja.
      Pode ser:
      - “Destino do URL” - Esta meta permite especificar uma página tendo seu próprio URL como meta
Configuração da meta Destino da URL

Configuração da meta Destino da URL

- Tempo no site

Configuração da meta Tempo no site

Configuração da meta Tempo no site

- ou Páginas/visita – Defina o número exato, mínimo ou máximo de páginas visitadas até que seja alcançada esta meta

Configuração da meta páginas por visita

Configuração da meta páginas por visita

Após salvar sua meta configurada, ela estará disponível no painel de controle, como também no menu na esquerda.

 

2.     Funis

Um "funil" é uma série de páginas pelas quais um visitante tem de passar antes de atingir a conversão de objectivos. O nome provém de um gráfico dos visitantes que alcançam cada página, a primeira página tem o maior número de visitantes e cada página sucessiva apresenta menos visitantes à medida que eles saem do site antes de chegar ao objectivo final.

A finalidade de controlar estas páginas consiste em ver qual a eficiência das páginas que direccionam os visitantes para o seu objectivo. Se uma das páginas de funil for muito complexa ou não tiver um design amigável, verá um número significativo de desistências e baixas taxas de conversão. É possível controlar as taxas de desistência nas páginas que conduzem a um determinado objectivo, ao utilizar o relatório Visualização de funil na secção Objectivos.

Gráfico de um funil no Google Analytics

Gráfico de um funil no Google Analytics

Depois de inserir as informações de sua meta, defina um funil caso tenha selecionado o tipo de meta "Destino do URL":

  1. Clique em "Sim, criar um funil para esta meta" dentro da página de configuração de uma meta.
  2. Insira o URL da primeira página do funil de conversão. Ela deve ser uma página comum a todos os usuários que estão sendo direcionados à sua meta. Por exemplo, se você quiser acompanhar o fluxo de usuários pelas páginas de fechamento de pedidos, não inclua a página de produto como uma etapa do funil.
    Observação: os URLs do funil devem ser tratados como expressões regulares. Por isso, você pode incluir caracteres curinga e usar outros métodos de expressões regulares se quiser fazer a correspondência com mais de um URL. Insira um nome para essa etapa.
  3. Se ela for uma "Etapa obrigatória" no processo de conversão, marque a caixa de seleção à direita da etapa. Se essa caixa de seleção for marcada, os usuários que acessarem a página da meta sem passar por essa página do funil não serão contados como conversões.
  4. Continue inserindo etapas de meta até que o funil esteja completamente definido. Você pode inserir no máximo 10 e no mínimo uma etapa de funil.
  5. Clique em Salvar alterações para criar essa meta e o funil.
Configuração de um funil de metas

Configuração de um funil de metas

3.     Ferramenta Criador de URL

A codificação dos anúncios on-line com tags é um pré-requisito importante para permitir que o Google Analytics mostre quais atividades de marketing estão valendo a pena. Felizmente, o processo de codificação ocorre sem problemas - depois de entender como diferenciar suas campanhas. Os links de campanha consistem em um endereço URL seguido de um ponto de interrogação e das variáveis de sua campanha.
Acesse http://www.google.com/support/analytics/bin/answer.py?hl=pt&answer=55578, preenche os campos necessários e pressione o botão Gerar URL. Um link codificado será gerado e você poderá copiá-lo e colá-lo em seu anúncio.

Os recursos de codificação de links do Google Analytics permitem que você identifique com exclusividade praticamente qualquer campanha que imaginar. Nem todos os seis campos do formulário do Criador de URL são obrigatórios em cada um de seus links. Normalmente só precisa usar Origem, Mídia, Nome e Termo (para palavras-chave pagas). A tabela a seguir mostra as melhores formas de se codificar os três tipos de campanhas on-line mais comuns - anúncios em banner, campanhas por e-mail e palavras-chave pagas.

Anúncio em
banner
Campanha
por e-mail
Palavras-chave
pagas por cliques
Origem
da campanha
pesquisa boletim1 overture
Mídia da campanha banner e-mail cpc
Termo da campanha Boston Julho a palavra-chave que você comprou
Conteúdo da campanha
Nome da campanha produtoxyz produtoxyz produtoxyz

Fonte: http://www.google.com/support/analytics/

Categorias: SEO

Por: Fábio Breitenschmitzer

Deixe um comentário

Perguntas, sugestões ou opiniões?